Páginas

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

Maitê


Sim, eu sei que já venho tarde MAS tinha de me pronunciar e só o consegui agora visto que fiz o último teste da semana.

Aquele espécime de gente, se tiver um pingo de inteligência, não volta a assentar o pezinho aqui nesta "vilazinha".
Porque ainda não foi nenhum português ao Brasil filmar as favelazinhas miseráveis, e as milhentas placas ao contrário, e as prostitutas brasileiras (para isso, nem é preciso sair do nosso país) e o analfabetismo, e o contrabando, e as séries portuguesas legendadas em português do Brasil... Miserável, absolutamente miserável. Maitê, vós sois uma besta.

E escusa de vir com historiazinhas da nossa falta de humor, sim.
O seu país é um agrupamento de selvagens ignorantes que só servem para destruir a minha língua materna. Ofendeu? Era só brincadeirinha.


E caso possa ser útil no seu futuro e possa evitar a clara evidência de ignorância:
-Em frente ao Mosteiro dos Jerónimos está o Tejo que NÃO é mar. É um rio, sim?
- O Salazar não "foi ditador durante mais de 20 anos". Ele foi presidente do conselho de ministros de Portugal entre o ano de 1932 e 1968. Ou seja, 36 anos de ditadura. Um bocadinho mais do que "mais do que vinte". E ele foi eleito o maior português de sempre visto que bem ou mal, ele marca uma fase importante do país. Ele é um marco da nossa história, seja isso uma coisa positiva ou não.

Enfim, já não me esforço mais.

Que se afogue em baba. Cumprimentos.




E para quem ainda não viu o maravilhoso (cof cof) video, aqui está ele: clica aqui.

Sem comentários:

Enviar um comentário