Páginas

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Sonhei que estava de volta a Roma e tive saudades.

        Nunca, em nenhum dos dias dos cinco longo meses em que morei lá, pensei que chegaria a hora em que sentiria saudades daquela cidade caótica. A confusão, o barulho constante do transito infernal, as conversas de varanda para varanda e das pessoas que não conhecem outro volume de voz que não o gritar, os italianos (que na maioria têm ar de broncos) que se julgam a última coca-cola do deserto, a inércia face a tudo o que seja burocracia importante para quem está a morar fora do país. O cenário que conheci não fazia antever que, um ano depois de ter embarcado para lá, visse o meu coração engolido por um montão de saudades.

        Tenho saudades do velho-bonito, daquelas construções que, mesmo em ruínas, são bonitas. De andar a passear-me durante horas pela Via del Corso, fazer o percurso Monumento Vittorio-Emanuele II - Piazza del Populo e vice-versa. Saudades do empregado giro da H&M, junto da Fendi.
        Quase choro por não encontrar gelado tão bom como o de Bacio nem tiramisu tão gostoso como o da Pompi. Sinto falta da língua, da música que tem e do quão doce me passou a soar (volta não-volta, sonho em italiano).
        Saudades do moço da lojinha onde imprimia tudo o que precisava, sujeito com o qual comuniquei, muitas vezes, numa língua que não era nem português, nem espanhol, nem italiano. Mas entendemo-nos sempre.
        Faz-me falta saber que, independentemente do sítio para onde fosse, a paisagem far-me-ia sempre sentir pequenina.
        Tenho saudades de dividir casa com a minha companheira de quarto e o grego mais porreiro de sempre.

        Falta-me a sensação de estar sem rede de segurança e, ao mesmo tempo, ter todas as possibilidades do mundo aos meus pés.

      Roma, mi manchi.

2 comentários:

  1. Respostas
    1. Não sei se foi porque morei em Roma e vi mais desta, mas as saudades que tenho maiores são de Florença! É tudo tão bonito, tão mais sossegada que a capital, que permite gozar melhor da cidade.

      Eliminar